<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d4197132226586187837\x26blogName\x3dvad\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://voandoaderiva.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_BR\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://voandoaderiva.blogspot.com/\x26vt\x3d-8192848790466781601', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>
+












quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

noah and the whale #1

noah and the whale é uma daquelas bandas que pedem para não ser ouvidas só por causa do nome. que raio de nome vem a ser esse? "o noah e a baleia", pft. não fosse o grande filme "a lula e a baleia" e acho que a minha referência de subconsciente seria o "free willy"; e a willy era uma orca, não uma baleia. adiante, o essencial a reter é: o nome é mau como tudo.

quando foi lançado, lá para meio deste ano, o "the first days of spring" causou alvoroço entre a crítica musical, profissional e amadora. todos os apontavam como candidato a disco do ano, mas na altura ouvi-o e pensei: que coisinha mais aborrecida. pois é, estava enganado: era concerteza da estação emocional. agora não consigo ouvir outra coisa.

e estes primeiros dias de primavera enganam mesmo: parece álbum choninhas de um tipo que chora porque a namorada lhe deu com os pés, mas é muito mais que isso: é chapada de luva branca como quem diz "vê lá o que é que perdeste" e é também o melhor disco de tipo que chora porque a namorada lhe deu com os pés desde o "sea change" do beck. e não me vou alongar muito nesta comparação, porque estou aqui para elogiar o noah.

acho que ainda vou escrever muito sobre este álbum até ao fim do ano, por isso deixo-vos só a música que abre o disco e a respectiva letra.


escrito por by joão martinho Email post



Remember Me (?)



All personal information that you provide here will be governed by the Privacy Policy of Blogger.


« Home | rip » //-->





Post a comment :